domingo, 21 de novembro de 2010

Dois Perdidos nos Jogos da Diversidade


Conforme já anunciado aqui no blog, neste final de semana aconteceu a Virada Esportiva, em São Paulo. E, como não poderia deixar de ser, é claro que fomos conferir...
.
É muito legal ver que a cidade está procurando criar alternativas para revitalizar seu centrão velho, uma área cheia de ofertas culturais, arquitetura privilegiada, com várias estações de metrô, e que, inacreditavelmente, andou por alguns anos deixada de lado.
.
Sempre é bom ver várias famílias se divertindo por ali, mesmo que tarde da noite. E ontem havia esporte para todos os públicos: desde xadrez para os nerds, tirolesa e asa delta para os aventureiros, além de skate, futebol, pebolim humano, entre outros.
.
Mas nossa missão da noite de sábado era conferir a quarta edição dos Jogos da Diversidade, lá no Clube Tietê. E logo de cara levamos o nome do blog ao pé da letra: rodamos por algum tempo, meio perdidos, até achar o lugar. E o mais legal foi a forma como encontramos: paramos para perguntar a uns moradores do Bom Retiro, todos foram super educados e nos ensinaram direitinho como chegar lá. Entre eles estava um garotinho de uns 8 anos, que nos disse: "eu sei o que vocês vão fazer lá" E quando o maridão perguntou, ele disse: "Vocês vão pra balada". Garoto esperto!
.
Depois de muito rodar em busca de um lugar para estacionar, finalmente chegamos! O clube em si é bem legal, com um espaço físico muito agradável. E ontem o aquecimento global havia voltado a SP, depois de uma semana de frio fora de época. A noite linda, clima melhor ainda, tudo na medida!
.
O problema é que o clube fica muito fora de mão, e muitos provavelmente não foram por conta do acesso. Outro aspecto é a total falta de divulgação. Não sei se o pessoal espera que o público descubra sozinho, mas achei a divulgação do evento péssima. Nós, que sempre estamos pesquisando novidades, só ficamos sabendo pois o maridão achou um flyer jogado no lixo. E, aqui vai um puxão de orelhas: o público gay adora reclamar que falta isso e aquilo, mas também não prestigia as iniciativas que existem...
.
Mas, contratempos à parte, havia um público razoável por lá. Muitas equipes de garotas disputando partidas de futebol, mas o mais divertido foi o pessoal do vôlei. Para quem confunde ser efeminado com ser fraco, aconselho tentar defender uma cortada da Tina ou da Ana Paula*... para quem não estava lá, eram dois caras divertidíssimos, a alegria em pessoa, mais femininos do que todas as mulheres que conheço, mas que, em quadra... eram porrada pura! Ficamos lá, vendo os jogos e torcendo, cada um para um dos times.
.
Depois fomos conferir os shows das drags lá no palco principal. A primeira a subir no palco foi a Renata Peron, com sua simpatia e carisma habitual. Cantou, encantou, e em seguida deu lugar a nossa querida Silvetty Montilla, que, como sempre, chegou esbanjando bom humor. Ontem era o dia da consciência negra. E nada melhor do que seu humor negro para comemorar. Silvetty cantou, contou piadas, chamou Ana Paula, Tina e companhia para subir ao palco (foto). E elas também deram um show de bom humor, entrando na brincadeira e contribuindo para alegrar nossa noite.
.
Ainda se seguiram outras apresentações de drags, mas em geral era aquela coisa de dublar músicas, o que não nos agrada muito, mas o pessoal presente curtiu bastante.
Voltamos para casa, não sem antes nos perdermos ainda algumas vezes até achar a entrada certa da av. Marginal. Acho que a Ilha de Lost deve ficar por ali.
.
Gostamos dos Jogos da Diversidade, quem não foi, perdeu uma bela oportunidade de se divertir no sábado à noite, totalmente de graça, com pessoas de bem com a vida, carão zero, cerveja muito barata, música e esportes. Para as próximas edições, talvez seja o caso de repensar o local do evento, ou caprichar mais na divulgação. Além disso, você que nos lê, que tal tirar a bunda da frente do computador e aproveitar as oportunidades que a comunidade gay oferece, em vez de ficar apenas reclamando que o mundo é cruel e injusto?
.
*Explicação para os apelidos Tina e Ana Paula: os dois caras estavam usando uniforme das duas jogadoras de vôlei. Camiseta com o nome atrás, shortinho e tudo mais. e quando eu falo TUDO, é TUDO mesmo, pois a Tina chegou a mostrar, lá no palco, que estava de fio dental...

13 Comentários:

Gui disse...

Começo logo pelo último parágrafo, porque sou carioca, beijos? hahaha

Brincadeira, acho que os eventos gays são marcados exatamente quando não posso ir. E eu sou meio desinformado mesmo, fazer faculdade integral me consome muito :/.

Que bom que gostaram e divulgaram, acho importante nosso apoio a esse tipo de evento.

Beijos

Junnior disse...

Legal, Dois. Pura diversão e diversidade. Beijos dominicais.

Júlio César Vanelis disse...

Ahh, Fala Sério... Eu sou do Rio, nem poderia ter ido! Mas assim que tiver uma coisa legal assim por aki eu vou dar uma conferida!!!

Um abraço, até o próximo

DPNN disse...

Ok, quem é do RJ está perdoado!

Paulo Braccini disse...

SAMPA é e será sempre SAMPA ... digam o q quiserem desta terra mas ela é o q todo o Brasil deveria ser ... com seus problemas sim ... mas também com suas diferenças para melhor ...

não pude participar ... não dá para sair de BH toda hora assim ... mas enfim ...

;-)

Lady Jane Grey disse...

Bom eu sou do Paraná, por aqui não existe muitas iniciativas como essa, o povo aqui é muito preconceituoso e conservador, logo ser gay e assumido no Paraná não é muito facil, ainda mais por que temos um governador declaradamente homofobico.

DPNN disse...

Paulo e Lady Jane, você também estão perdoados.

Lady, maridão é paranaense, eu sou paulista. A interação Paraná & São Paulo é perfeita...rs...

loveandglamour disse...

Paraná e São Paulo so de ouvir o nome combina mesmo! hahah

S.A.M disse...

Eu fui lá e acompanhei um pouco o time de volei, e sim eu vi a Tina - e seu shortinho verde agarradissimo - e a Ana Paula!

Mas ja eram 22h30 e ainda estava muito vazio, acabei indo embora pra casa.

FOXX disse...

ah, concordo
os gays precisam participar mais dos enventos envolvendo a comunidade, ou melhor, se enxergar como comunidade, taí pq os americanos são mto mais organizados, eles se enxergam assim.

Lobinho disse...

Eu amo a Silvetty.

Pena que nao estou em Sampa.Fikei com inveja de vcs 2.Rss.

Abraços.

Anônimo disse...

Прикольненькая новость, как долго ожидать публикацию новенького материала и вообщем стоит ждать ?

dogmanstar disse...

adoro eventos gays mas voltados pro esporte nunca verão minha cara.
sou totalmente avesso a todo e qualquer tipo de esporte, trauma de infância, esquizofrenia, sei lá.
nenhum me apetece e acho que o mundo seria melhor sem eles...
quero morrer com as artérias entupidas e um pedaço de picanha na boca...

Postar um comentário

BLOG ENCERRADO!

We Love It:

We Love It:

Seguidores:

DPNN no Facebook

Twitter:

  ©Dois Perdidos Na Noite - Todos os direitos reservados.

Template by Dicas Blogger | Topo