terça-feira, 29 de março de 2011

Os Filmes Mais Tristes de Todos os Tempos - Parte 1


Sabe aquele dia em que você está de TPM? Tá, sei que você não tem TPM, mas me refiro aos sintomas, não às causas: quando você está sensível e passa horas vendo filmes lacrimosos e ouvindo música de fossa? Quer uma ajuda? Não, não vou te dar apoio moral, é claro...vou dar dicas de como tornar a experiência ainda mais dramática... Por isso pensei em 5 filmes lançados em DVD (ou disponíveis na net) que podem ajudá-lo a curtir plenamente seu drama queer. Segue a lista, em ordem alfabética:


 A.I. - Inteligência Artificial. Muita gente odeia a adaptação de Steven Spielberg, mas acho que com ele o filme tem um tratamento humano que dificilmente atingiria com um diretor mais cerebral. Da primeira vez que vi, quase fiquei desidratado, de tanto chorar. O filme conta a história do andróide David Swinton (Haley Joel Osment, de "O Sexto Sentido"), adotado por uma família que está prestes a perder o filho doente. Como um brinquedo velho, o andróide é largado numa floresta, e vai fazer de tudo para reencontrar sua mãe. A cena final é para berrar de tanto chorar. Indicado para ver quando você brigar com sua mãe.


Dançando no Escuro. Esse musical é uma das coisas mais tristes que eu já vi. Björk está arrasadora como atriz. Conta a história de uma mãe que descobre que está ficando cega e que seu filho tem o mesmo problema. Mas o mundo é cão e a infeliz vai sofrer muuuuuuuuito na tentativa de impedir que o rebento tenha o mesmo destino. Quando vi no cinema, dezenas de pessoas choravam aos berros e teve gente que saiu da sala antes do filme acabar, aos prantos. Recomendado para quem tem filhos.



Delicada Relação (Yossi & Jagger). O filme gay mais lindo de todos os tempos. E um dos mais tristes, certamente. O mais legal desse drama queer é que a carga dramática não é focada na questão do preconceito. Não há intolerante homofóbico matando seu parceiro, nem gay deprimido se suicidando por não se aceitar, como em 99% dos dramalhões do cinema gay. E, talvez por isso mesmo, o resultado é tão verdadeiro. Um zilhão de vezes melhor do que a cópia insípida, inodora e incolor "O Segredo de Brokeback Mountain". E a cena final é de uma beleza rara, diz absolutamente tudo de uma forma sutil. Indicado para quem brigou com o namorado.


Peixe Grande e Suas Histórias Maravilhosas. Problemas com seu pai? Aí está o filme certo. Esqueça aquela bobagem pretensiosa chamada "As Invasões Bárbaras". Talvez o melhor filme do diretor Tim Burton com personagens de carne e osso. O filme conta a história de um filho que vai visitar o pai no leito de morte. O filho tem sérios problemas com o pai, que é adorado por todos. Ao longo da noite, o pai vai contando ao filho histórias extraordinárias pelas quais passou ao longo de sua vida. Vi no cinema com o maridão, que chorou igual criança. Na época eu ainda tinha meu pai, se vir agora, vou chorar igual bebê.


Ponette - À Espera De Um Anjo. Quer chorar pra valer? Chorar até entrar em convulsão? Este é o filme certo! Duvida? Então lá vai a sinopse: Ponette (Victoire Thivisol) é uma garotinha de 4 anos - 4, viu? - cuja mãe morre drasticamente num acidente de carro. Como boa garota de 4 anos, não entende a morte e não aceita de modo algum o fato de que nunca mais vai ver sua mãe. E o que ela faz? Pede pela mãe o tempo todo e chora e chora e chora e chora e chora. É desesperador! Não à toa, a garotinha levou o prêmio de melhor atriz no festival de Veneza. Não recomendado para quem acabou de perder pai ou mãe. É suicídio na certa.

Tome muita água, reserve algumas caixas de lenços descartáveis, e divirta-se (ou não...).


E você, qual filme indicaria?


Confira a Parte 2 clicando aqui

26 Comentários:

Anônimo disse...

Eu indico "Sempre ao seu lado"
fidelidade e amor incontestáveis.

DPNN disse...

Estou com o dvd de "Sempre ao seu lado" faz uns meses e não vi ainda... tenho uma cachorra que é tão grudada em mim, onde vou ela me segue... Com certeza vou me acabar de chorar, abri o maior berreiro com "Marley e Eu"...

Fil disse...

AI realmente é muito emocionante e Peixe Grande tambem. O da Bjork tenho vontade de assistir, os outros dois não conhecia :(

Adoro um filme dramático. Recomendo As Horas, meu filme predileto e totalmente fossal.

Titchya Alda disse...

Meninos eu queria citar alguns filmes que eu acho tristíssimos:

Uma Lição de Amor (choro igual a uma vaca assistindo - vaca chora?)

A cor púrpura (acho muuuuuito triste)

e Tainá 1 e 2 (é triste saber que o Brasil já produziu filmes tão ruins como estes)

Um beijo

Leandro Souza disse...

No "O homem bicentenário" a cena final é de matar um de tantas lágrimas, --- SPOILER!!!!!! ---


Quando ele morre, e ela pede para a enfermeira que a "desligue também". Chorei rios só nesta cena. Se somar o resto do filme, dava para matar a sede de uma pequena cidade!

Junnior disse...

Não vi o 3º e nem o 5º citados e fiquei interessado. Não que eu faça questão de chorar (como em "Dançando No Escuro" - e como chorei), mas porque parecem bons.
O último que assisti e chorei foi aquele que serviu de inspiração à postagem "Sou Mãe De Um Jovem Gay" do Identidade G: "Prayers For Bobby" ("Orações Para Bobby").
Bj.s

Diego Hatake disse...

Desses descritos, eu chorei com "Peixe Grande" e com "AI" eu "chorei por dentro. Os outros ainda preciso ver. Eu realmente fujo de filmes muito tristes, ao menos no cinema quero ver coisas mais felizes, escapar da realidade, sabe?
Bom, um que me fez desidratar chorando foi "A Cor Púrpura". É que eu via o filme e lembrava da minha mãe, que não sofreu tanto quanto a personagem principal, claro, mas já passou por cada coisa em minha família. Também chorei em "Ponte Para Terabítia". Sou sensível.
Um que recomendaria, mas que não é filme, é dorama japonês (seriado) seria "Um Litro de Lágrimas", que conta a história de Aya Ikeuchi, uma moça, estudante de 15 anos que descobre ter degeneração espinocerebelar, uma doença rara degenerativa, que faz a pessoa gradualmente perder habilidades, ao ponto que a pessoa não pode andar, falar, escrever, ou comer. A doença não afeta a mente nem a memória. Ela então faz um diário, que foi publicado como livro, que é de onde originou o seriado. E as coisas que ela escreve são de cortar o coração, de fazer agradecer pela vida sabe? Recomendo mesmo. Tanto o livro quando o mangá ou este seriado.

Wans disse...

Tristeza é comigo mesmo. Amo muito!

Ponette é um dos filmes que uma amiga mais gosta.

AI feito por Kubrick seria obra prima. Acho Dançando no Escuroi manipulador, assim como Lars Von Trier.

Os meus são:

1 Dolls

2 Longe Dela

3 Brokeback Mountain e quase todos os filmes gays.

4 Minha Vida Sem Mim

5 Mary e Max

E milhares de outros.

Paulo Braccini disse...

Acho que incluiria Bent ...

Querido pq tudo q envolve o Bratz as pessoas associam a detalhes sórdidos eim? rs

Desta vez não teve ... foi tudo tão "meigo" ... rs

Desculpe a ausência ... tudo em decorrência da viagem e depois da visita do AD ...

Já de volta a BlogsVille

bjão do Bratz

..::voy::.. disse...

Marley e Eu
AI
Um Lugar Chamado Nothing Hill (não é triste mas eu chorei!)
O Senhor dos Anéis - O Retorno do Rei (tb não é triste mas morri de chorar na meia hora final...)

abraços do voy

Lobinho disse...

Delicada Relaçao é lindo.Adoro os 3 filmes desse diretor.

Nao tive coragem de ver A.I.

Tb nao vi Ponette.Só de ler a sinopse,eu fiquei triste.

Confesso que amo drama.

Um outro filme que chorei muito,muito mesmo é Amor em Tempos de Guerra.Um filme que choca.
Beijos.

Anônimo disse...

Geralmente eu choro com quase todo filme de drama que eu assisto, mas vai alguns dos que eu mais choro:

Sete Vidas eu choro HORRORES!
Preciosa eu chorei;
A casa do Lago;
A procura da felicidade;
Titanic eu assisti um trecho do final e chorei muito;

Anônimo disse...

De todos esses, Ponette ganha disparado!!! Eu começo a chorar já comecinho do filme, e as lágrimas vão até o fim... É impossível não se comover com a história da garotinha, ela chora com tanta convicção que parece ter perdido sua mãe mesmo!!! Além disso, o filme é delicado e ingênuo, é um dos melhores filmes que já ssisti na minha vida.

INQUIETUDE disse...

Olá pessoas . . .

Realmente sou fascinado por drama...

Assisti quase todos os filmes mencionados.

Indico:
5- A cura,
4- A esposa substituta,
3- A Lista de Schinder
2- Tumulo dos Vaga-Lumes (Hotaru No Haka-anime),
1- O ôleo de Lorenzo

Att,

Glauber Cavalcante
glaubernew@hotmail.com

Papai Urso do Interior disse...

Laços de Ternura, A Vida é Bela, Quem Quer Ser um Milionário, Brokeback Mountain, Central do Brasil.

Anônimo disse...

um caminho de luz

Anônimo disse...

para sempre ao seu laqdo ,, esse sim e triste

Anônimo disse...

antes que termine o dia, chorei uns 10 minutos :/

Anônimo disse...

os filmes comoventes que já assisti foram: o óleo de lorenzo, minha vida na outra vida e antes que termine o dia (vale a pena assistir).

Anônimo disse...

Gente sério, acabei de ver um filme que é realmente muito triste chorei o filme todo assistam vale a pena

Uma prova de amor, com a Cameron Diaz.... p/ morrer de rir aposto como você chora nos 10 primeiros minitos de filme e nao para mais...

Anônimo disse...

os filmes mais tristes que eu ja vi são

para sempre ao seu lado
marley e eu
a ultima musica
uma prova de amor
antes de partir
titanic

e os filmes que estão na lista
e varios outros é que eu não lembro os nomes

paid'égua disse...

eu choro naturalmente, (diferente do fabio jr.)sou de verdade um chorão de carteirinha. mas, tem uma cena no filme "crash, no limite" que me fez soluçar. é a cena do chaveiro sendo ameaçado pelo judeu ou palestino, além do filme ser ótimo tem também esta cena que para mim é indiscutivelmente a cena que mais me comoveu.

william disse...

"Dançando no Escuro" foi assim comigo tb: o cinema inteiro aos prantos, nunca vi nada igual! Agora, um em que me derreto e é um musical bem leve é "Hair". Aquele final sempre fica engasgado na minha garganta...

Anônimo disse...

a procura da felicidade e a corrente do bem os filmes mais lindos que ja vi.

Heron Xavier disse...

Oi, gostei da lista de filmes.

Sugiro o filme japonês "A Partida". É triste e ao mesmo tempo, poético, de arrancar lágrimas.

Abs,

Helton Leal disse...

Aproveite seu tempo livre e ganhe dinheiro com a internet. Você terá ganhos semanais e mensais, chip da Nextel, plano de saúde e muito mais. Conheça mais sobre nosso sistema de Renda Extra através do site: http://www.frpromotora.com/44654538

Postar um comentário

BLOG ENCERRADO!

We Love It:

We Love It:

Seguidores:

DPNN no Facebook

Twitter:

  ©Dois Perdidos Na Noite - Todos os direitos reservados.

Template by Dicas Blogger | Topo