sexta-feira, 4 de novembro de 2011

Dica de Filme: Felizes Juntos

Aproveitando a deixa da entrevista de ontem com o Lobinho, resolvi dedicar o post de hoje a um filme gay que vem lá do oriente. Não é do Japão, mas também tem os olhos puxados. Falo de Felizes Juntos (Cheun gwong tsa sit1997) do sensacional diretor Wong Kar-Wai, vindo lá da distante Hong Kong.

É um daqueles filmes que superam a categoria e se tornam uma obra de arte. Não dá pra analisar apenas pelo quesito “contar uma história”, é preciso ver a construção de cada cena, a fotografia, o roteiro, as atuações.  Nada é gratuito, e nada é exagerado neste drama que mostra um casal gay que sai de Hong Kong para conhecer as Cataratas do Iguaçu. A viagem não dá muito certo (não vou contar os motivos) e o casal se vê em crise, sem poder retornar à terra natal. Dois estrangeiros, perdidos na Argentina, um só tem o outro. E isso vai ter um papel decisivo na vida do casal: logo se tornam estranhos um para o outro. Aí a barra fica pesada de vez...

O filme é bem triste. Bem triste meeeeeesmo. Mas é lindo. E olha que nem é o melhor filme do diretor!  Maridão e eu saímos do cinema caminhando nas nuvens ao ver “Amor à Flor da Pele” (In The Mood For Love), seu longa de 2000. Sem sombra de dúvida, uma obra prima, um dos melhores filmes de todos os tempos! Excelente em todos os quesitos.
Obviamente não são filmes fáceis, a narrativa é mais lenta, o roteiro não entrega tudo mastigado. Mas vale a pena fazer o esforço!
Mas como estamos falando do lado gay da força, para quem quiser baixar o filme “Felizes Juntos”, o link que encontrei na internet é este aqui.

Bom final de semana a todos, e façam como esta dupla dinâmica: divirtam-se sem moderação!

8 Comentários:

Diego Hatake disse...

Eu tenho o DVD desse filme. Me foi os olhos da cara, mas é do Kar Wai, então vale - e muito - a pena!

Wans disse...

Wong Kar-Wai é junto com Takeshi Kitano e Zhang Yimou os grandes mestres do oriente. Felizes Juntos é arrebatador. O que é aquela cena do tango? E nãos ei se percebeste, mas em Amor a Flor da Pele, o diretor faz uma pequena homenagem a Felizes Juntos, quando Maggie Cheung deita sua cabeça em Tony Leung, remetendo à cena. Lindo demais!

DPNN disse...

Wans, além destes diretores mais dramáticos que você citou, eu gosto muito de cinema oriental de terror, então sou suspeito pra falar... acho que ninguém faz filme do gênero como o pessoal de olhos puxados, em especial os tailandeses (os irmãos Pang são meus ídolos). O grande diferencial, tanto no drama quanto no terror, e é a sutileza que eles impõem aos filmes - além dos ótimos roteiros.

Paulo Braccini - Bratz disse...

Amei a dica e vou baixar ... adoro filmes orientais ... são de uma sensibilidade ímpar ...

Obrigado querido pelo carinho, força e consideração ... em breve estarei por aí revendo os amigos e, desta vez faço questão de conhecer a dupla dinâmica ...

bjão

FOXX disse...

eu odiei esse filme com força!

Lobinho disse...

Vou roubar esse filme de vcs.kkk.
Legenda que consegui nao está sincronizada.
Abraços.

Fred disse...

Tem gente gostando. Tem gente torcendo o nariz. Deve valer a pena, então! Hugz!

Josy-chan disse...

Indico muito Takumi-kun series.

Postar um comentário

BLOG ENCERRADO!

We Love It:

We Love It:

Seguidores:

DPNN no Facebook

Twitter:

  ©Dois Perdidos Na Noite - Todos os direitos reservados.

Template by Dicas Blogger | Topo