domingo, 29 de maio de 2011

Joelho de Porco E A Festa no Apê das Lésbicas...


Nosso final de semana começou à moda alemã: é que neste final de semana ocorreu em São Paulo mais uma edição da já tradicional Maifest, uma bela oportunidade para estes dois perdidos matarem a saudade do joelho de porco, tomar várias cervejas e cair de boca no salsichão. E neste ano até São Pedro resolveu participar, já que o clima estava bem bem germânico: um friiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiio daqueles! As ruas estavam abarrotadas de gente, como diria maridão, "diferenciada no bom sentido". Ou seja: teria de mantê-lo em rédeas curtas, já que a oferta de "homens brancos, de olhos claros, bem nascidos, nutridos e com todos os dentes na boca" era muito superior à média paulista. Mas ele se comportou - ou foi bem discreto, já que não vi a baba escorrendo de sua boca em nenhum momento.

Depois de devorarmos um imenso joelho de porco (meu lado judeu já foi devidamente condenado ao inferno, além de gay, ainda como porco num sábado...), tomar uma cerveja escura e um vinho quente tão doce que mataria um diabético na hora, fomos convidados por um casal de amigas lésbicas para um jantar entre os dois casais. 

Antes de ir para a festa no apê, ainda viramos uma garrafa de vinho de jabuticaba, e...(completem com a imaginação fértil de vocês...).

Algumas horas depois, lá fomos nós - não sem antes nos perdermos no caminho, é claro. Minha total e completa falta de orientação espacial é algo crônico! Nunca me perguntem o caminho de qualquer lugar, sou capaz de ensinar errado o caminho de casa... 

Quase meia hora depois do combinado, finalmente chegamos ao apartamento. Foi muito bom vê-las juntas outra vez, já que haviam passado um tempo separadas. Sabe aquele casal que nasceu um para o outro, e mesmo que a vida tente, jamais vai separar? Pois é, as duas são assim. A alegria na cara das duas era contagiante! E agora elas tinham um motivo a mais para comemorar, já que estão "grávidas"! Quer dizer, apenas uma está, mas ambas estão radiantes diante desta novidade, que virá ao mundo nos próximos meses. 

Para comemorar, futura "papai" e eu brindamos com um bom uísque 12 anos, enquanto maridão ficou na cerveja. A futura mamãe se manteve longe do álcool, é claro...

E nós, que tínhamos planejado uma passada rapidinha pelo apê, acabamos saindo de lá quase meia noite, já que o papo estava ótimo. A noite não terminou por aí, saindo de lá ainda fomos tomar mais algumas no Centrão, mas o frio estava forte demais e maridão caia no sono só de fechar os olhos. 

Foi ótimo terminar a semana desta forma, pois tive boas decepções com algumas pessoas bem próximas na semana que passou e fiquei muito magoado, pensando no quanto as pessoas se preocupam com coisas tão pequenas, algo que realmente não consigo compreender. 

É sempre bom ver que o amor realmente é a única coisa que importa na nossa passagem por este planeta. Amor não faz distinção de sexo, de classe social, de cor de pele... ele está aí para todos que são evoluídos o suficiente para perceber sua presença. Fico feliz de ver uma casal como elas, felizes juntas, fazendo planos para o futuro, mas curtindo o presente como se fosse o último segundo de vida. Em uma palavra: felicidade. Sei muito bem o que elas estão sentindo: foi a mesma coisa que senti ontem, ao dar aquele abraço apertado no maridão e ver o seu sorriso lindo, de quem sabe o que eu estou pensando, mesmo sem dizer. Troco tudo neste mundo por um instante como este! 

Ótima semana para todo mundo!

10 Comentários:

Lady's disse...

Bom eu moro em uma das cidades mais alemãs do Brasil, e confesso adoro um bom chopp, e isso nao falta aqui. Agora a culinária alemã não me atrai nem um pouco, e esse joelho de porco achei muito estranho o que se aproveita de um joelho??

Serginho Tavares disse...

fi mesmo um final de semana bem divertido
beijos queridão

Dan disse...

fico feliz que vcs tenham momentos como estes! Cumplicidade e felicidade!
ainda vou voltar a ter os meus!

bjo

Anônimo disse...

Eu gosto da culinária alemã e adoraria participar de uma festa tipicamente germânica. O que deve ter de homens lindos vai além da minha imaginação. Adoro loiros, tenho uma tara por pelinhos amarelos, acho o máximo!!

Q linda a relação de vocês dois. Um dia terei um alemão para mim também

Junnior disse...

Será que confusão espacial é algo comum nos sagitarianos? Também sofro desse mal.
Gzus, como vcs bebem, rs.
Adorei a animção do 'post'.
Bj.s

Fred disse...

Virge!!! Todo esse enredo de tradição alemã eu conheço BEM!!! Nossa!!!!! Hahahahaha!!!!
PS: Só lembrando que Gargamel e Cruel - no fim das contas - nunca comem ninguém... hahahaha!

FOXX disse...

é essa vida a dois que me fascina, que me encanta muito mais do que grandes demonstrações de amor ou filmes românticos, é essa vida simples, o dia-a-dia, estou suspirando... e invejando... no bom sentido.

desejo felicidades a vcs, a suas amigas e ao bebê...
felicidades!

Edu disse...

Quando é que conheceremos o casal DPNN pessoalmente? hein? Hein?

Cores da Crise de meia idade! disse...

Focaram,mandaram e acertaram na mosca!! Nem o alcool desviou o olhar!

Dario disse...

Quando terminei de ler o terceiro parágrafo pensei: "ih, vai ter sacanaxgi". brinks hahaahah

Postar um comentário

BLOG ENCERRADO!

We Love It:

We Love It:

Seguidores:

DPNN no Facebook

Twitter:

  ©Dois Perdidos Na Noite - Todos os direitos reservados.

Template by Dicas Blogger | Topo