domingo, 5 de junho de 2011

Parada da Homofobia?

Na última sexta-feira, logo após visitar o site da Parada LGBTUVXZ aqui em SP, corri para trancar todas as portas, fechar todas as janelas, mais que depressa me encondi debaixo da cama - e não saí mais de lá. Estou escrevendo esta postagem no notebook, com todas as luzes apagadas, para não levantar suspeitas. Explico: os homofóbicos estão em toda parte! Não coloco mais o nariz do lado de fora da porta! Os riscos são enormes! Vou viver aqui, trancado no meu bunker, esperando que alguém crie uma lei que me dê permissão para ser eu mesmo! Aí sim, vou poder sair pelas ruas! Exagero? Pois é essa a impressão que fica ao visitar tal site:

HOMOFOBIA, HOMOFOBIA, HOMOFOBIA, HOMOFOBIA, HOMOFOBIA, HOMOFOBIA, HOMOFOBIA,HOMOFOBIA, HOMOFOBIA, HOMOFOBIA, HOMOFOBIA, HOMOFOBIA, HOMOFOBIA, HOMOFOBIA,HOMOFOBIA, HOMOFOBIA, HOMOFOBIA, HOMOFOBIA, HOMOFOBIA, HOMOFOBIA, HOMOFOBIA! 

Vinte e uma vezes! 

É esse o número de ocorrências da palavra - só na página inicial do site! Se clicar nas matérias, o número deve chegar a algumas centenas. E olha que não estou contando seus derivados "homofóbico (s), homofóbica (s)"! 

Só sei que estou com muito medo! Foi lá que descobri que o tema da parada deste ano será: 

“Amai-vos uns aos outros: basta de HOMOFOBIA! – 10 anos da Lei 10.948/01, rumo ao PLC 122/06”. (2011) 

Juro que na minha ingenuidade eu esperava que em 2011 a parada fosse comemorar a decisão do STF, afinal, não é em todo ano que a comunidade gay tem um momento histórico tão importante assim para celebrar! Mas não, essa história de comemorar é coisa de gay alienado, que acha que a parada é uma festa que agrega gays e heterossexuais celebrando a diversidade! Que nada: HOMOFOBIA rules!

Eu era assim até sexta-feira, agora que conheci o caminho da,luz (ou melhor, das trevas), mudei radicalmente. Lá mesmo no site fui pesquisar os temas das últimas paradas: 

“Vote contra a HOMOFOBIA : defenda a cidadania!” (2010)
“Sem HOMOFOBIA, mais cidadania – Pela isonomia de direitos! (2009)
HOMOFOBIA mata! Por um Estado Laico de fato!” (2008)
“Por um mundo sem machismo, racismo e HOMOFOBIA”!” (2007)
HOMOFOBIA é crime! Direitos sexuais são direitos humanos” (2006).

Ou seja: é a sexta vez consecutiva que a Parada tem HOMOFOBIA como tema! Segundo os organizadores, "Desde que o Projeto de Lei da Câmara (PLC) 122/2006 foi apresentado pela então deputada federal Iara Bernardi (PT-SP), o movimento LGBT tem tratado a criminalização da homofobia no âmbito nacional como sua principal reivindicação." E eu, esse tempo todo, exposto ao perigo, e acreditando que a discussão sobre a homossexualidade fosse mais ampla!

Tenho receio de que a parada de 2012 se chame simplesmente "Parada da HOMOFOBIA", pois da forma como a coisa está caminhando, mais parece obsessão. Nos anos anteriores ao PL122 a situação foi bem diferente, nem só de HOMOFOBIA vivia o gay:

“Somos muitos, estamos em todas as profissões” (1997)
“Os direitos de gays, lésbicas e travestis são direitos humanos” (1998)
“Orgulho Gay no Brasil, rumo ao ano 2000” (1999)
“Celebrando o orgulho de viver a diversidade” (2000)
“Abraçando a diversidade” (2001)
“Educando para a diversidade” (2002)
“Construindo políticas homossexuais” (2003)
“Temos família e orgulho” (2004)
“Parceria civil, já! Direitos iguais: nem mais, nem menos” (2005)

Bons tempos aqueles... Em todo caso, não vou à parada mesmo, estarei aqui trancado no meu quarto. Será que alguém vai? Se eu fosse você, também se trancaria em casa, à espera do mundo ideal: viver em meio à diversidade (de verdade) é perigoso!

PS. obviamente sabemos que existe homofobia no mundo, só não dá para considerar que toda e qualquer oposição à homossexualidade seja considerada homofobia! É banalizar o próprio ato criminoso, um desrespeito às vítimas reais! Vitimismo tem limite: hora de virar a página!

11 Comentários:

Lady's disse...

realmente nem tudo é homofobia, vivemos em uma sociedade livre em que as pessoas podem aceitar um gay ou não, mas a não aceitação não é necessariamente uma atitude homofóbica, mas claro que o número dos que não aceitam é bem maior dos que aceitam, e isso é preocupante, principalmente pelo aumento da violência contra gays

Junnior disse...

Eu não fico ligado no que os sites A, B ou C escrevem sobre homofobia. Quando me deparo com matérias que abordam o tema, leio. Assim como leio sobre casamento, namoro, notícias, filmes, festas e etc. Tudo faz parte da vida e, infelizmente, há muitos casos de homofobia ainda são merecedores de atenção, como os diversos que aconteceram aí na Av. Paulista.
Enfim, sei lá. Divirta-se no seu momento reclusão. De minha parte, pretendo dar umas 'pinta' na parada gay quando passar aqui perto de casa, em Copacabana.

Anônimo disse...

Engraçado que de tanto se falar em homofobia msm assim algumas pessoas não entendem. Por exemplo, eu tenho um colega de sala, bem ao estereótipo ht,q para tirar um sarro da cara de outro, falou que o outro iria fazer uma barraca do beijo homofóbico na festa junina. E eu fiquei imaginando será que ia ser um bjo seguido de um soco kkk (parece q na cabeça dele homofobia=homossexualidade=gay )kkkk

Paulo Braccini - Bratz disse...

Eu vou para Sampa na época da parada ... mas da parada eu quero distância ... só mesmo curtir o astral da cidade ... tb cansado deste assunto ...

Dan disse...

preguiça disso...

S.A.M disse...

É algo complicadíssimo: tem gente que justamente critica a parada por dizer que ela 'não tem carater politico'.

É interessante analisarmos movimentos como do video 'Não Gosto dos Meninos' que trata o gay numa perspectiva vencedora diante de tantas dificuldades, mas e como acharmos esse meio termo?

Titchya Alda disse...

Se essa parada empolgar tanto quanto às anteriores... Titchya vai estar lá e liiiiiiiiiinda!

FOXX disse...

sendo bem sincero com vc, sua piada inicial foi um tanto ofensiva pra mim... sobretudo qndo eu lembro q me xingaram de bicha no caminho da minha casa até a padaria hoje de manhã...

Cores da Crise de meia idade! disse...

Ulysses é de arrepiar! Obrigado por me fazer conhecer!
Beleza com beleza se paga
Danse Macabre :http://www.youtube.com/watch?v=9CHqhsMP80E&feature=related
bjs

melo disse...

meio que cansei também, sabe? já disse que damos 'cartaz' demais para nossos opositores deixando-os mais do que evidência e posando nós de intolerantes.

claro que devemos lutar contra o preconceito mas estamos mesmo esquecendo as poucas coisas boas que acontecem e focando no negativo.

atos como a invasão do site da parada são crimes, fato, devem ser combatidos mas quem se expressa contra deve ter assegurado seu direito de faze-lo, sempre. me fica a impressão de que não queremos NENHUM tipo de oposição e que meramente dizer que se é contra a homossexualidade, sem circo, agressão ou ofensa pode ser motivo de linxamento...

vou virar hetero...

Scarlett disse...

A questão, não sei se vou conseguir me explicar aqui, não é a aceitação ou não das pessoas. Aceitar é concordar, você não precisa necessariamente concordar, embora o respeito impreterivelmente deva existir entre as pessoas...acabei de fazer um trabalho sobre a decisão do STF e também estava crente que esse seria o grande destaque, fico chateada em saber que não será...

Depois de ver os temas anteriores, exposto por você aqui, esses novos só parecem a pura hipocrisia da sociedade se fazendo valer mais uma vez... ter homofobia como tema no evento só torna mais pungente, somente reforça, a disparidade existentes entre os cidadãos que são iguais, infelizmente, somente no papel.


Como comentado por melo, para quê ficar se focando , pelo menos nesse dia, nesse momento, em aspéctos negativos??? Para mim esse deveria ser um dia de comemorar vitórias, conquistas...

O aumento de 30 % em crimes conta homossexuais deveria ter mais repercussão não só no movimento gay, mas sim na nossa legislação vigente, acredito que assim surtiria um efeito muito maior na população como um todo.


beijos dear e continuarei acompanhando

Postar um comentário

BLOG ENCERRADO!

We Love It:

We Love It:

Seguidores:

DPNN no Facebook

Twitter:

  ©Dois Perdidos Na Noite - Todos os direitos reservados.

Template by Dicas Blogger | Topo